sexta-feira, 15 de julho de 2011

Do sorriso

"(...) a forma como colávamos o corpo
 um ao outro
nas ruas de Lisboa.


E a cidade,
 minúscula,
 à vista dos nossos passos (..)

Da vida do corpo

Gostava de te puder contar coisas; que o sol já não se chama sol, nem a lua, lua nem os montes são mais habitados por flores nem por h...