quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Se eu morresse tu choravas?

 (...) mordes as unhas pela minha boca

e de entre os dentes
soltam-se


 pequenas lascas de carvalho,

a árvore favorita dos trovões.

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Dia 1

Meu querido J., Acordei com a ideia que me tocavas o rosto com a mão como se procurasses nele um caminho que é teu e que já conheces há ...