quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Se eu morresse tu choravas?

 (...) mordes as unhas pela minha boca

e de entre os dentes
soltam-se


 pequenas lascas de carvalho,

a árvore favorita dos trovões.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Quando os dedos me caem

quando me disseram que ias morrer, o tempo caiu-me aos pés. mas não foi só ele a ceder vida. com ele a boca, os olhos, o queixo, as sobr...