Até sempre, miúdo



És dado como morto hoje. Dizem que tiveste morte cerebral.
Vais fazer uma puta de uma falta à tua mulher e à tua filha.


E a mim, parvinho. E  a mim.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

Para o meu querido Tiago

Pequeno-almoço

A parte boa de amar alguém não é só ver-te dormir